Entregue presentes, não coisas! – Portal

familia feliz

Saiba como dar presentes verdadeiros.

Com a chegada das festas do final de ano, a compra de presentes se torna uma verdadeira maratona. A busca por presentes que atendam os mais diversos gostos e estilos, que casem com as expectativas dos presenteados, se torna mais intensa com a proximidade do Natal. 

Mas, o que você dá nesta época: presentes ou produtos? E te perguntamos isso porque há uma diferença grande entre dar aquilo que a pessoa pede e dar um presente. Quer saber como? Te mostraremos ao longo deste artigo!

Amigo Secreto: uma oportunidade para presentear de verdade 

Uma das brincadeiras mais famosas desse período é o Amigo Secreto (ou Amigo Oculto, em algumas regiões). Quem participa de Amigo Secreto, precisa dizer quais presentes quer. 

Em seguida, os participantes definem a data da entrega dos presentes e – como o nome da brincadeira diz – o amigo permanece secreto até o dia da revelação. Mesmo sendo uma brincadeira que fazemos com pessoas amigas e conhecidas, vez ou outra pegamos o nome de alguém que não temos muita afinidade. 

O que fazer? Tem quem acredite que é uma falta de sorte pegar o nome daquela pessoa que você mal conhece ou daquele colega de trabalho que você não tem muita convivência. Pois, queremos te dizer que isso é uma oportunidade de ouro!

Porque este seu “amigo secreto” pode se tornar um amigo para a vida. Esta é uma oportunidade perfeita para criar e estreitar laços com alguém que pode contribuir positivamente com o seu crescimento pessoal

E você pode ser alguém importante no crescimento pessoal desse amigo. Já parou para pensar nisso? E é aqui que entra o grande X da questão: dar um presente ou dar um produto?

Você já perguntou a si mesmo se é verdadeiramente feliz?
Clique aqui e descubra qual é o grau da sua felicidade!

Presente X produtos: afinal, qual é a diferença? 

Quando você dá um produto, você dá aquilo que a pessoa pediu ou algo próximo a isso. Camisetas, roupas, perfumes, cosméticos, livros, vale-presentes, chocolates, bolsas, carteiras, isso são produtos. Pessoas pedem esses itens o tempo todo. Pessoas compram isso o tempo todo. Entregar coisas assim não é nada difícil. 

É simples falar na frente de todos “bom, meu amigo secreto é o fulano e aqui está o seu presente”. Quando se entrega um produto, às vezes as pessoas nem falam “espero que goste”. É uma entrega e nada mais.

Sabe o que realmente é um presente? Entregar bons sentimentos e mandar boas energias para o seu amigo. Aproveitar a oportunidade para fazer um amigo ao invés de cumprir um mero protocolo. Na hora de entregar aquele produto embaladinho, entregue também a sua amizade, a sua cordialidade. 

Entregue sua alegria, bom humor, seu sorriso sincero. Isso sim são bons presentes! Não estamos dizendo para não entrar na brincadeira de presentear com produtos, mas de saber confraternizar de verdade. Estar aberto para realmente interagir com as pessoas é essencial para não perder o foco das festas de final de ano.

Como dar presentes verdadeiros?

No contexto em que vivemos atualmente é relativamente normal que as pessoas não saibam como presentear os outros com bons sentimentos. Entregar algo positivo com aquele produto embalado não é algo que faz parte da rotina de muitos. Porém, isso pode mudar e você pode demonstrar para as pessoas a sua volta que está aberto.

No momento de fazer a revelação do seu amigo secreto procure falar coisas boas sobre essa pessoa. Se possível, fale sobre características positivas que podem não ser tão facilmente percebidas. É legal que a pessoa que receberá o presente ouça o quanto é alguém legal e bem quista por aqueles à sua volta.

Caso não conheça tão intimamente a pessoa que irá presentear, é uma oportunidade para se informar mais sobre o outro. Procure saber o que seus colegas em comum acham dessa pessoa e como ela já os ajudou. Lembre-se de que é uma oportunidade para conhecer o outro de verdade. 

Após a entrega do presente, converse com seu amigo secreto demonstrando que está aberto para estreitar os laços. Muitas vezes as pessoas deixam de se aproximar de nós porque acreditam que não estamos abertos para isso. E talvez você realmente não esteja aberto nesse momento, mas pode vir a estar.

Receba presentes de verdade

Ao longo do artigo falamos sobre a importância de não focar em somente presentear os outros com produtos e sim com presentes. A partir daqui queremos incentivar as pessoas a estarem abertas para receber presentes de verdade e não somente para receber produtos.

A forma como nos mostramos ao mundo faz com que os outros estejam mais propensos a nos dar mais do que itens embrulhados. Quando entregamos sorrisos e simpatia para as pessoas a nossa volta se torna mais simples receber algo positivo delas. Vale ainda a reflexão a respeito de como você vem encarando essas festas de fim de ano. 

O Natal se tornou apenas um momento para receber produtos de presente? Será que você tem focado apenas nas coisas e deixado de lado os verdadeiros presentes? Em um contexto em que ter coisas é visto como um diferencial, é importante permanecer atento. Podemos evitar cair nessa armadilha do “ter” sendo mais importante do que o “ser”. 

Então comece a pensar em qual é a disposição com que você chega ao final de ano. Será que está mais preocupado com a lista de compras ou está pensando em como passar mais tempo com quem ama? Lembrando que desejar ganhar e dar produtos para os outros não é errado, mas não deve ser o principal.

Planeje seu final de ano

Uma forma de mudar essa perspectiva para o final de ano é fazer um planejamento para o seu final de ano. Ao invés de concentrar o tempo em atividades que resultam em ganhar produtos, considere incluir no cronograma atividades que despertem o sentimento de união.

Além da ceia com as pessoas queridas, você pode planejar algumas atividades como assistir filmes e séries, por exemplo. Também pode planejar um passeio com as pessoas amadas para algum lugar especial na história de vocês ou até para conhecer novos lugares.

No final de ano, se dê uma oportunidade de ganhar e presentear com presentes de verdade. Este conteúdo te ajudou? Compartilhe em suas redes sociais para levar o conhecimento adiante!

José Roberto Marques

Sobre o autor: José Roberto Marques é referência em Desenvolvimento Humano. Dedicou mais de 30 anos a fim de um propósito, o de fazer com que o ser humano seja capaz de atingir o seu Potencial Infinito! Para isso ele fundou o IBC, Instituto que é reconhecido internacionalmente. Professor convidado pela Universidade de Ohio e Palestrante da Brazil Conference, na Universidade de Harvard, JRM é responsável pela formação de mais de 50 mil Coaches através do PSC – Professional And Self Coaching, cujo os métodos são comprovados cientificamente através de estudo publicado pela UERJ . Além disso, é autor de mais de 50 livros publicados.

*Esse conteúdo não é fonte para veículos jornalísticos ou matérias para imprensa, para utilização ou referência por favor entre em contato conosco.



LINK DA FONTE

Rolar para cima