procrastinação tem cura

PROCRASTINAÇÃO: Os 5 Passos Definitivos para Vencê-la

Preparamos um material único para te ajudar no combate a procrastinação. Separamos 5 opções práticas para você escolher e aplicar a partir de hoje e colher os resultados positivos contra a procrastinação.

procrastinação tem cura

Pense em algum sonho pessoal. Algo que deseja realizar. Pode ser grande ou pequeno. Pensou? Você somente irá alcançar esse seu sonho com ações. E a procrastinação vai contra a ação. Ela te conduz por um caminho de pensamentos obscuros e tira toda a sua vontade de fazer.

O resultado da procrastinação é uma vida chata! Difícil de ser vivida, pouca atrativa e com poucos sonhos realizados. Mas também é um sinal que algo pode estar errado dentro de você. Que você precisa fazer mudanças no seu comportamento, nos seus pensamentos e nas suas escolhas.

Não se engane que você precisa ser a pessoa mais produtiva da sala. Não é uma competição! Portanto, você não precisa ser a pessoa mais eficiente do mundo, você apenas precisa sentir que está fazendo o suficiente para manter sua vida em harmonia.

A PROCRASTINAÇÃO TEM CURA?

Sim, a procrastinação tem cura. Embora possa ser uma tendência natural para algumas pessoas, é possível aprender a superá-la e a gerenciar suas tarefas de forma mais eficiente. Isso pode ser feito por meio de mudanças de hábito e atitudes, bem como por meio de técnicas e estratégias específicas.

Vamos te ajudar agora a entender melhor esse assunto e te dar 5 caminhos para agir a partir de hoje ainda.

Todos nós já passamos por situações em que adiamos uma tarefa importante para mais tarde. Seja por preguiça, falta de motivação ou simplesmente por acreditarmos que ainda há tempo suficiente, a procrastinação é algo comum na vida de muitas pessoas. No entanto, esse hábito pode prejudicar seriamente a realização de nossos objetivos e sonhos.

A PROCRASTINAÇÃO faz parte de um conjunto de 5 sabotadores que nos impedem de nos tornarmos pessoas de ação. São eles: PROCRASTINAÇÃO, INDECISÃO, FALTA DE CONFIANÇA EM SI, MEDO DO FRACASSO e FALTA DE OBJETIVOS CLAROS. Nesse artigo vamos mergulhar no sabotador: procrastinação.

OS SINAIS DA PROCRASTINAÇÃO NO CORPO, MENTE E EMOÇÕES

Seu corpo, sua mente e suas emoções darão todos os sinais que precisa para admitir que está procrastinando.

  • NO SEU CORPO: Quando se adia uma tarefa, é comum sentir-se ansioso e estressado, especialmente quando o prazo está se aproximando. Sua cabeça vai doer mais, vai experimentar mais cansaço, dificuldade em dormir, problemas digestivos e mais.
  • NA SUA MENTE: Levar uma vida chata, não estimulada pela ação, tem consequências. Sua autoestima será mais baixa, terá menos confiança em si, vai experimentar um medo constante, sentir os pensamentos intrusivos, se lamentar por não ter aproveitado as chances que teve e outros.
  • NAS SUAS EMOÇÕES: Não agir ou não concluir suas tarefas, pode levar a sensação de fracasso, de insatisfação pessoal, experimentar uma sensação que deslocado na vida, e o pior, uma profunda dormência dos sentidos.

A procrastinação pode ser muito frustrante e prejudicial à vida de uma pessoa. Além disso, ela pode se sentir insegura, estressada, ansiosa e insatisfeita consigo mesma. É importante lembrar que é possível superar a procrastinação e melhorar a qualidade de vida adotando algumas mudanças de hábito e atitudes.

3 DEFINIÇÕES DE PROCRASTINAÇÃO

De acordo com James Clear, a procrastinação é uma forma de autopunição. Quando adiamos uma tarefa, estamos, inconscientemente, castigando a nós mesmos com a ansiedade e o estresse que sentiremos quando chegar a hora de finalmente realizá-la. Além disso, a procrastinação também pode ser sinal de falta de confiança em nossas habilidades ou de medo de fracassar.

Segundo Petr Ludwig, a procrastinação é o ato de adiar uma tarefa por um longo período de tempo, mesmo sabendo que isso prejudicará nossos objetivos e metas. É uma forma de evitar a realização de algo que consideramos desagradável ou difícil, mas que, no final, acaba prejudicando nossa vida e nossos resultados.

Mas por que as pessoas procrastinam? De acordo com Kendra Cherry, a procrastinação pode ser causada por vários fatores, incluindo a falta de motivação, a indecisão, a perfeccionismo excessivo e a falta de habilidades organizacionais. Além disso, a tecnologia, e a facilidade de distração que ela proporciona, também contribuem para a procrastinação.

As três definições se complementam e dão insights pra nossa jornada contra procrastinação. Você já entendeu que ela te afeta pessoalmente, que te faz adiar suas tarefas, que atua na falta de habilidades específicas e pede um caminho para seguir.

Separamos as habilidades mais funcionais para dar a vantagem que você precisa.

AS 7 HABILIDADES QUE PRECISA ADQUIRIR

Mas como superar a procrastinação? Anote essas habilidades para conquistar e evoluir na sua jornada contra a procrastinação:

  1. Habilidade em DEFINIR METAS CLARAS: Antes de começar a trabalhar em uma tarefa, é importante ter um objetivo claro em mente. Isso ajudará a manter o foco e a motivação durante o processo.
  2. Habilidade em CRIAR UMA LISTA DE TAREFAS: Tire o máximo que puder dos pensamentos e leve para o papel de maneira ordenada. Uma lista de tarefas será sua amiga no dia a dia. Evite as listas intermináveis que nunca são concluídas. Anote 10 tarefas pra fazer, elimine 7 menos importantes e fique com apenas 3 principais. Conclua as 3 e repita o processo para obter mais 3 novas tarefas.
  3. Habilidade em ESTABELECER PRAZOS REALISTAS: Definir prazos realistas para as tarefas é importante para evitar o estresse e a ansiedade. Além disso, é importante não se cobrar muito e ser flexível, caso seja necessário ajustar os prazos.
  4. Habilidade em EVITAR DISTRAÇÕES: A tecnologia e as redes sociais são grandes fontes de distração. Portanto, é importante desativar as notificações desses aplicativos durante o trabalho e concentrar-se na tarefa em mãos.
  5. Habilidade em DIVIDIR SUAS TAREFAS EM PEQUENA ETAPAS: Realizar uma tarefa grande e complexa pode parecer assustador. Por isso, é importante dividi-la em pequenas etapas e concentrar-se em uma de cada vez. Isso ajudará a sentir-se mais motivado e a concluir a tarefa com mais facilidade.
  6. Habilidade em ACEITAR O ERRO COMO PARTE DO PROCESSO: O medo do fracasso é uma das principais causas da procrastinação. Por isso, é importante aceitar o erro como parte do processo de aprendizado e não se cobrar muito. Lembre-se de que é impossível ser perfeito e que o fracasso é uma oportunidade de crescimento.
  7. Habilidade em LIDAR COM A ANSIEDADE: A ansiedade é uma das consequências da procrastinação. Por isso, é importante aprender a lidar com ela de forma saudável, como praticar atividades físicas, meditação ou conversar com alguém de confiança.

Toda habilidade pode ser aprendida, ou seja, você pode adquirir cada uma dessas 7 habilidades na sua jornada contra a procrastinação. Você só precisa dar o primeiro passo e continuar treinando cada habilidade até dominá-la com facilidade.

5 OPÇÕES PARA ACABAR COM A PROCRASTINAÇÃO

O autor do livro Hábitos Atômicos, James Clear, trouxe algumas ideias para colocarmos em prática no combate a procrastinação. Escolha uma ou escolha todas.

Opção 1: Tornar as recompensas de agir mais imediatas

Se você puder encontrar uma maneira de tornar os benefícios das escolhas de longo prazo mais imediatos, será mais fácil evitar a procrastinação. Uma das melhores maneiras de trazer recompensas futuras para o momento presente é com uma estratégia conhecida como agrupamento de tentações.

O agrupamento de tentações é um conceito que surgiu da pesquisa de economia comportamental realizada por Katy Milkman na Universidade da Pensilvânia. Simplificando, a estratégia sugere que você agrupe um comportamento que é bom para você no longo prazo com um comportamento que é bom no curto prazo.

O formato básico é: Faça apenas [COISA QUE VOCÊ AMA] enquanto faz [COISA QUE VOCÊ PROCRASTINA].

Aqui estão alguns exemplos comuns de agrupamento de tentações:

  • Ouça apenas audiolivros ou podcasts que você ama enquanto se exercita.
  • Apenas faça uma pedicure enquanto processa e-mails de trabalho atrasados.
  • Assista ao seu programa favorito apenas enquanto passa roupa ou faz tarefas domésticas.
  • Apenas coma em seu restaurante favorito ao conduzir sua reunião mensal com um colega difícil.

Apesar de ser interessante combinar as tarefas desse jeito, tome cuidado para não se perder no campo da “super produtividade”. Fazer uma tarefa por vez ainda tem seu valor.

Opção 2: tornar as consequências da procrastinação mais imediatas

Existem muitas maneiras de forçá-lo a pagar os custos da procrastinação mais cedo ou mais tarde. Por exemplo, se você estiver se exercitando sozinho, pular o treino na próxima semana não afetará muito sua vida. Sua saúde não vai piorar imediatamente porque você perdeu aquele treino. O custo de procrastinar o exercício só se torna doloroso depois de semanas e meses de comportamento preguiçoso. No entanto, se você se comprometer a malhar com um amigo às 7h da próxima segunda-feira, o custo de pular o treino se tornará mais imediato. Perca este treino e você parecerá um idiota.

Outra estratégia comum é usar um serviço como o Stickk (em inglês) para fazer uma aposta. Se você não fizer o que diz que fará, o dinheiro vai para uma instituição de caridade que você odeia. A ideia aqui é colocar um pouco de pele no jogo e criar uma nova consequência que acontecerá se você não fizer o comportamento agora.

Opção 3: Projete suas ações futuras

Uma das ferramentas favoritas que os psicólogos usam para superar a procrastinação é chamada de “dispositivo de compromisso”. Os dispositivos de compromisso podem ajudá-lo a parar de procrastinar, projetando suas ações futuras com antecedência.

Por exemplo, você pode restringir seus hábitos alimentares futuros comprando alimentos em embalagens individuais, em vez de em grandes quantidades. Você pode parar de perder tempo com seu telefone excluindo jogos ou aplicativos de mídia social. (Você também pode bloqueá-los em seu computador).

Da mesma forma, você pode reduzir a probabilidade de navegar descuidadamente pelos canais escondendo o controle da sua TV em um armário e tirando-a apenas em dias que escolher. Você pode criar um fundo de emergência configurando uma transferência automática de fundos para sua conta poupança. Todos esses são exemplos de dispositivos de compromisso que ajudam a reduzir as chances de procrastinação.

Opção 4: Tornar a Tarefa Mais Realizável

O atrito que causa a procrastinação geralmente está centrado no início de um comportamento. Depois de começar, geralmente é menos doloroso continuar trabalhando. Este é um bom motivo para  reduzir o tamanho de seus hábitos, porque se eles forem pequenos e fáceis de começar, você terá menos probabilidade de procrastinar.

Uma das minhas maneiras favoritas de tornar os hábitos mais fáceis é usar a Regra dos 2 Minutos , que afirma: “Quando você inicia um novo hábito, deve levar menos de dois minutos para fazê-lo”. A ideia é facilitar ao máximo o início e, em seguida, confiar que o impulso o levará mais longe na tarefa depois de começar. Uma vez que você começa a fazer algo, é mais fácil continuar fazendo. A Regra dos 2 Minutos supera a procrastinação e a preguiça tornando tão fácil começar a agir que você não consegue dizer não.

Outra ótima maneira de tornar as tarefas mais viáveis ​​é dividi-las. Por exemplo, considere a notável produtividade do famoso escritor Anthony Trollope. Ele publicou 47 romances, 18 obras de não ficção, 12 contos, 2 peças de teatro e uma variedade de artigos e cartas. Como ele fez isso? Em vez de medir seu progresso com base na conclusão de capítulos ou livros, Trollope mediu seu progresso em incrementos de 15 minutos. Ele estabeleceu uma meta de 250 palavras a cada 15 minutos e continuou esse padrão por três horas por dia. Essa abordagem permitiu que ele desfrutasse de sentimentos de satisfação e realização a cada 15 minutos enquanto continuava a trabalhar na grande tarefa de escrever um livro.

Tornar suas tarefas mais realizáveis ​​é importante por dois motivos.

  1. Pequenas medidas de progresso ajudam a manter o ímpeto a longo prazo, o que significa que é mais provável que você conclua grandes tarefas.
  2. Quanto mais rápido você concluir uma tarefa produtiva, mais rapidamente seu dia desenvolverá uma atitude de produtividade e eficácia.

Eu descobri que este segundo ponto, a velocidade com que você conclui sua primeira tarefa do dia, é de particular importância para superar a procrastinação e manter uma alta produtividade dia após dia.

Opção 5 – Seguir um plano pronto contra a procrastinação

torne-se uma pessoa de ação contra a procrastinação

E quando não sabemos o que fazer para alcançar aquilo que queremos? E quando nem sabemos direito o que queremos? Ou quando tem mais além da procrastinação que impede a ação?

A Mente Grata já tem esse plano pronto para você seguir semana a semana durante 1 ano inteiro. A cada semana você vai receber exatamente o que precisa fazer para se tornar uma pessoa de ação.

Antes de tudo, vamos preparar você nas 3 mais importantes habilidades contra a procrastinação: AÇÃO, FOCO E MUDANÇA. Serão 21 dias de preparação antes de mergulhar nas rotinas prontas e trabalhar temas que irão impactar sua vida pessoal e profissional.

É um processo completo de cura e evolução. Reunimos mais de 1.400 conteúdos dentro de uma plataforma com as ferramentas, temas, técnicas e materiais que vai precisar na sua jornada contra a procrastinação.

Se deseja se tornar uma pessoa de ação, então esse caminho vai te ajudar com toda a certeza.

Clique no link abaixo para ver todos os detalhes e vídeos.

CLIQUE AQUI E SAIBA MAIS SOBRE O PROGRAMA PRONTO PARA SEGUIR CONTRA A PROCRASTINAÇÃO

PERGUNTAS E RESPOSTAS SOBRE PROCRASTINAÇÃO

torne-se uma pessoa de ação contra a procrastinação

clique para saber mais

Scroll to Top